A Pintura Expressando Paz

O III Festival da Juventude pela Paz ocorrido em julho de 2017 na cidade de Florianópolis, Brasil, teve uma Galeria de Arte onde artistas de diversas partes do Brasil e do estrangeiro puderam expor seus trabalhos. A Pintura teve presença marcante na galeria, com obras que irradiavam os ideais de Beleza, de Harmonia e de Paz. A seguir uma entrevista com a pintora Dara Moraes, de Brasília, que tem o dom de expressar a conexão com a natureza, algo que se sente ao contemplar suas obras.

 

Como foi a experiência de expor as pinturas no I e no III Festival da Juventude pela Paz? O que você sentiu no seu coração quando viu suas obras na galeria, sabendo que muitos irmãos estavam entrando em contato com o que elas expressam? 

“Expor as pinturas no Festival da Juventude pela Paz foi uma experiência muito especial, por se tratar de um evento tão importante com foco na construção de um mundo melhor, mais pacífico e harmonioso. E poder contribuir de alguma forma através da pintura foi muito gratificante.

Senti uma imensa alegria em poder compartilhar com as pessoas a mensagem que sempre busco transmitir por meio da arte que é a mensagem de paz, beleza, harmonia, amor e unidade.”

 

Há alguma coisa que a inspira particularmente? Alguma temática ou ideia que lhe toca mais no processo de criação artística? Como é seu processo de pintar a natureza? 

“Desde quando comecei a pintar, o que sempre me inspirou foram temas ligados à espiritualidade e à natureza em suas diversas manifestações.

O processo de criação vai fluindo naturalmente e na medida em que vou pintando vão surgindo novas inspirações. As cores vão me indicando as próximas etapas. Em muitos momentos, eu paro diante do quadro e fico em silêncio e em contemplação deixando vir algo mais para ser acrescentado e aperfeiçoado.

A natureza certamente é uma imensa fonte de inspiração com sua beleza infinita. Ela está o tempo todo nos surpreendendo.

A reverência diante da natureza nos possibilita uma conexão maior com ela, isso me ajuda muito no processo de criação.”

 

A Arte pode ser uma ferramenta de pacificação das consciências? Explique um pouco.

“A verdadeira arte é uma expressão da nossa essência interna, é um contato profundo com níveis mais elevados da nossa consciência. Ela pode nos auxiliar em nossa busca interior, auxiliando-nos no autoconhecimento, no contato com a beleza, com a harmonia e nos conduz para o encontro com a paz. Tanto para quem produz alguma arte quanto para quem recebe. Se conseguimos estar em silêncio mental e com o coração aberto, podemos nos conectar de forma mais profunda com a arte, e isso nos possibilita um estado de paz que consequentemente podemos irradiar para todo o planeta e para todos os seres.”

 

Como a pintura, especificamente, pode atuar naquele que aprecia a obra de arte no sentido de promover uma visão mais pacífica da vida?

“A pintura é uma expressão artística que trabalha com os elementos das cores e das formas. Ela pode realizar um trabalho curativo em nosso interior se, ao estarmos diante de algum quadro, nos permitirmos ser trabalhados. Para que ocorra este trabalho curativo é muito importante que o artista ou o pintor esteja em sintonia com as cores, as formas, a beleza e a harmonia para que ele possa transmitir de forma verdadeira no quadro.”

 

Finalizando a entrevista, Dara cita o filósofo espiritualista, Trigueirinho:

“(…) a pintura será novamente uma expressão de planos mais elevados. Será expressão de vida interior, expressão profundamente educativa, que poderá traduzir-se em lâminas com cores exatas e com formas que irradiam, compondo um emblema de amor com as forças que emanam do próprio pintor.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s